Conecte-se

FacebookTwitterInstagram

DSC 0032 3 1

A Polícia Civil, através da Delegacia de Polícia da Comarca de Dionísio Cerqueira, em cumprimento a um mandado de prisão temporária, prendeu no final da tarde de segunda-feira (08) um homem de 65 anos investigado pela suspeita de estupro de vulnerável, em Dionísio Cerqueira.

A investigação sobre o caso segue na Delegacia de Dionísio Cerqueira e tão logo seja concluída será encaminhada ao Ministério Público e à Justiça. Após a prisão, o suspeito foi encaminhado para a Unidade Prisional Avançada (UPA) de São José do Cedro, onde permanece à disposição do Judiciário.

qpcxaxim

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia da Comarca da Fronteira de Xaxim, cumpriu na tarde desta quinta-feira (21) um mandado de prisão contra uma mulher de 48 anos por sentença condenatória definitiva pelos crimes de estupro de vulnerável e maus tratos. Os fatos ocorreram em 2012, em Xaxim.

Segundo os delegados Fernando Callfass e Gustavo Oliveira Altemar, restou comprovada a participação dela em razão da omissão na cautela de cuidados sobre a filha, uma vez que esta foi abusada sexualmente pelo padrasto – ela teria sido conivente com os abusos e por não ter tomado qualquer tipo de providência.

A mulher foi localizada no Bairro Santa Terezinha, em Xaxim e está no Presídio Feminino de Chapecó, onde permanecerá à disposição da Justiça. A ação foi coordenada pelos delegados Fernando Callfass e Gustavo Oliveira Altemar.

produtoddeacordo

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Descanso e em conjunto com a Vigilância Sanitária, apreendeu 676 produtos expostos à venda em desacordo com a legislação. Foi na quarta-feira (20), no município de Descanso.

Após o recebimento de informações dando conta da fabricação e comercialização de produtos sem a devida autorização da ANVISA, policiais civis e agentes da Vigilância Sanitária realizaram uma vistoria em um estabelecimento comercial, no município.

No local, foram apreendidos 676 produtos expostos à venda cujas embalagens estavam em desconformidade com as prescrições legais. Ou seja, não apresentavam todas as informações exigidas pelo órgão regulador, tais como nome do produto, marca, número de registro do produto, lote, prazo de validade, conteúdo, fabricante, modo de uso, advertências e restrições de uso, ingredientes/composição.

Além de tais informações, há outros requisitos para apresentação à venda (embalagem/rotulagem) dos produtos, para que se evite, por exemplo, partes contundentes, partes que possam ser facilmente destacadas das embalagens e engolidas e de constituintes tóxicos. Também se constatou que quantidade significativa dos produtos não possuía autorização para a fabricação, tornando-os impróprios ao consumo, conforme o Código de Defesa do Consumidor. O responsável pelo local foi preso por crime contra as relações de consumo, cuja pena é de 02 a 05 anos e está à disposição do Judiciário.

maravilhaaaa

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Maravilha, prestou apoio à Polícia Rodoviária Federal (PRF), na abordagem que resultou na apreensão de mais de duas toneladas de maconha, na quarta-feira (20), em Maravilha.

A droga estava em uma carreta bitrem abordada na BR-282. O motorista da carreta foi encaminhado à Delegacia de Polícia de Maravilha, onde foi autuado em flagrante pela Polícia Civil. Ele foi encaminhado à unidade prisional de Maravilha. Com a autorização judicial, a Polícia Civil procedeu à incineração da droga, em uma empresa, em Maravilha.

maravilha

saomigueltraf

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de São Miguel do Oeste, cumpriu na tarde de segunda-feira (18) um mandado de busca e apreensão em um condomínio residencial no centro da cidade. Foram apreendidos drogas, dinheiro e uma balança. Um homem foi preso em flagrante. A ação teve o apoio operacional do Canil Setorial da Polícia Militar.

A operação é decorrência de investigações da Polícia Civil, por meio da equipe da DIC, que conseguiu identificar intenso fluxo de usuários no condomínio. Após monitoramento, houve representação por buscas, sendo que, na tarde de segunda-feira, foi executada a ordem. Os policiais fizeram as buscas, e os cães Axel e Colt encontraram o entorpecente escondido em um arbusto ao lado da residência. No local foram encontrados maconha, cocaína, dinheiro em espécie e uma balança. O suspeito investigado foi conduzido à DIC para lavratura do auto de prisão em flagrante.