Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

banner2

Policiais civis da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) e da Central de Plantão Policial de Araranguá prenderam um homem de 18 anos apontado como um dos autores de roubos a estabelecimentos comerciais, em Araranguá. Os crimes ocorreram no início de outubro e as investigações identificaram outros dois suspeitos, um deles adolescente.

A DIC/PCSC investigava uma série de roubos ocorridos em estabelecimentos comerciais. Foi instaurado inquérito policial e durante a investigação a Polícia Militar teve informação de onde os autores estariam. Em uma operação conjunta, foram identificados três integrantes do grupo, um deles tem 17 anos. A investigação continuou e no final do inquérito foram indiciados dois homens de 18 anos, sendo representado pela prisão preventiva desses dois adultos e apreensão do adolescente.

Um dos adultos foi preso na tarde de domingo (19). O adolescente já havia sido apreendido no início do mês e encaminhado ao sistema socioeducativo.

WhatsApp Image 2021 12 17 at 18.29.41 1

Nesta sexta-feira (17), a Polícia Civil Santa Catarina, por meio da Delegacia Regional de Polícia de Araranguá, com o apoio do Lions Clube Centro Araranguá, realizou a entrega de brinquedos e doces para crianças atendidas pelo Serviço de Atendimento Especializado (SAE), do hospital Bom Pastor de Araranguá, local que cuida de crianças com doenças autoimunes gravíssimas.

Os brinquedos foram arrecadados em uma campanha ocorrida durante todo o mês de dezembro, que já é tradicional nesta época do ano e objetiva aproximar a Polícia Civil da comunidade e levar carinho e afeto para as crianças atendidas pelo SAE.

WhatsApp Image 2021 12 17 at 18.29.41 2

Viatura sirene noite

Policiais civis da Delegacia de Polícia de Turvo efetuaram a prisão de dois homens pelo roubo a uma loja ocorrido no centro de Turvo. Os presos têm 39 anos e 33 anos e o crime ocorreu no dia 17 de setembro deste ano.

As prisões foram realizadas na sexta-feira (26) em Timbé do Sul e Turvo. Conforme apurado pelo setor de investigação, os presos, que são moradores de Timbé do Sul, saíram daquela cidade em um veículo GM/Celta, por volta das 17h do dia 17/09, com destino a Turvo. Quando chegaram, estacionaram o veículo nas proximidades do local onde pretendiam praticar o roubo. Um dos comparsas, de 39 anos, desceu do veículo e se dirigiu à loja com uma faca.

O homem rendeu a vítima e subtraiu, mediante ameaça, dois aparelhos celulares e R$ 50 em dinheiro, fugindo para Timbé do Sul. Durante as investigações, os dois aparelhos celulares foram recuperados, sendo um na posse da mulher de um dos autores e o outro com um receptador. Eles foram encaminhados ao presídio de Araranguá.

WhatsApp Image 2021 11 23 at 18.42.39

Ações de orientação e prevenção no enfrentamento da violência doméstica e familiar contra a mulher marcaram um encontro de policiais civis da Delegacia de Proteção à Criança ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI/PCSC) com um grupo de mulheres, em Araranguá, no Sul do Estado.

A iniciativa ocorreu na terça-feira (23). As participantes frequentam o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Araranguá.

Roda de conversas

Uma outra iniciativa, nesta quarta-feira (24), envolve a Polícia Civil, também por meio de policiais civis da DPCAMI/PCSC com a participação no “Roda de Conversas” promovido pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Araranguá.

O objetivo é debater as estratégias e ações em referência à Semana da Justiça e Paz em Casa e de abordar os procedimentos de atendimento à mulher em situação de violência.

banner2

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de Araranguá, indiciou duas pessoas pelos crimes de homicídio e ocultação de cadáver, praticados em Araranguá no ano passado. A motivação do crime teria sido uma desavença por causa de um veículo envolvendo a vítima e os autores.

Em fevereiro de 2020, um homem procurou a Polícia Civil e informou o desaparecimento do irmão. As investigações contaram com cumprimento de diligências, como mandados de busca e apreensão e depoimentos de testemunhas. Uma mulher de 47 anos e um homem de 26 anos foram apontados como autores do homicídio.

O corpo foi localizado no dia 12 de maio deste ano, quando o dono de um sítio localizado no bairro Volta Curta, em Araranguá, encontrou uma ossada humana. Vestígios como roupas e outros objetos encontrados levaram os policiais a concluírem que se tratava da vítima desaparecida. Após isso, familiares e vizinhos confirmaram ser a vítima desaparecida, com base nas evidências encontradas junto ao corpo.