Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

WhatsApp Image 2021 09 27 at 18.11.55

Na tarde desta segunda-feira (27), a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da DPCAMI de Araranguá, participou da videoconferência dirigida aos órgãos da rede de proteção de São João do Sul, município do extremo sul catarinense e que pertence à Comarca de Santa Rosa do Sul.

O evento foi idealizado pelo Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de São João do Sul e, além da participação da DPCAMI de Araranguá, também contou com a presença do Ministério Público, Poder Judiciário, Conselho Tutelar, representantes de escolas, profissionais das unidades de saúde, agentes municipais, entre outros que atuam naquele município.

Na ocasião, o Psicólogo Policial Civil que atua na DPCAMI de Araranguá realizou uma fala e reflexão sobre o tema do abuso sexual contra crianças e adolescentes e o papel dos órgãos que compõem a rede de proteção.

viatura3

Na quinta-feira (23), a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal de Araranguá e da Delegacia de Maracajá, deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva de um homem de 30 anos, suspeito de ter realizado furto em uma empresa, em Maracajá, no final do mês de agosto. A prisão ocorreu no município de Forquilhinha, onde reside o investigado. O material furtado causou um prejuízo à vítima estimado em 300 mil reais.

Após investigação, foi identificado um homem que esteve no galpão da empresa, localizado no interior do município de Maracajá e disse para a vizinhança que seu patrão teria comprado o material que estava na propriedade. O mesmo homem é investigado por crimes semelhantes na região de Forquilhinha.

Há duas semanas, policiais da DIC de Araranguá e da Delegacia de Maracajá com o apoio de policiais da Delegacia de Forquilhinha, identificaram um depósito onde o material furtado foi encontrado. Com as novas informações obtidas, foi representado pela prisão preventiva do suspeito.

brasao

Na terça-feira (21), a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso de Araranguá, deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva em desfavor de um homem de 43 anos de idade, investigado por violência doméstica. O homem é suspeito de ter cometido crimes contra a mãe e a irmã. Além disso, descumpriu as medidas protetivas.

O mandado de prisão preventiva foi expedido pelo Juizado de Violência Doméstica contra a Mulher da Comarca de Florianópolis, pois, apesar de estar residindo atualmente em Araranguá, o homem era investigado pela DPCAMI da Capital. Após a prisão, o homem foi recolhido ao Presídio Regional da cidade e permanece à disposição da Justiça.

bb90bf13 4258 4846 b4ca e60b1b98caf0

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia da Comarca de Turvo, com apoio dos agentes da Delegacia de Furtos e Roubos da cidade de Curitiba e de policiais civis da Delegacia de Rebouças, da Polícia Civil do Paraná, deflagrou, na manhã desta quarta feira (22), uma operação policial nas cidades de Curitiba e Rebouças, no Paraná, para o cumprimento de seis mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão preventiva.

Durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão, realizado em lojas outlet, foram localizadas 72 peças de roupas furtadas, totalizando um valor aproximado de R$ 20 mil. O proprietário da loja de roupas não soube explicar a origem das peças e, por isso, foi preso em flagrante e autuado por receptação qualificada.

Os dois autores do furto, gerador da investigação, que teria acontecido no dia 11 de julho, na cidade de Turvo, não foram localizados nas residências visitadas pela Polícia nesta quarta-feira. A investigação dever ser concluída nos próximos dias.

O caso

Integrantes da organização criminosa do município de Curitiba e Rebouças, no Paraná, deslocaram-se até a cidade de Turvo e, mediante arrombamento, subtraíram uma loja de roupas de grife, causando um prejuízo de aproximadamente de R$ 220 mil à vítima.

Após o crime, o setor de investigação de Turvo identificou os autores e apurou o local onde as roupas furtadas estavam sendo vendidas, sendo identificadas três lojas em Curitiba, que funcionavam estilo outlet.

ea115b27 d9d9 48b3 b2c4 e98a5ae3da7b

 

COLETE TRÁS

Na sexta-feira (17), a Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso de Araranguá, prendeu, em flagrante, um homem de 35 anos de idade, por crimes praticados contra a ex-companheira.

Na tarde da sexta-feira, a vítima registrou um boletim de ocorrência em razão de ameaças e injúrias praticadas pelo seu ex-companheiro, decorrentes do término da relação e requereu medidas protetivas de urgência.

Ao retornar ao seu trabalho, a mulher foi surpreendida pelo seu ex-companheiro, que a abordou, utilizando veículo oficial da prefeitura em que trabalha, e iniciou uma discussão, chegando a agredi-la fisicamente.

A vítima foi socorrida e retornou à delegacia, enquanto o autor fugiu. Após os policiais realizarem rondas e acompanharem a vítima até a creche, onde pegaria o filho, o autor foi identificado no local e a prisão em flagrante foi realizada.