Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

maustratosararangua

Após denúncia, a Polícia Civil efetuou a prisão de um homem por maus-tratos contra animais. Foi na quinta-feira (25), no bairro Sanga da Toca, em Araranguá. A ação é da Delegacia de Polícia de Turvo, da Central de Plantão Policial (CPP) de Araranguá e da Fundação Ambiental do Município de Araranguá (FAMA).

Verificou-se que nos fundos da residência havia um animal debilitado e aparentemente sem os cuidados necessários. O animal foi levado a um veterinário, que confirmou que ele estava em situação de maus-tratos. Na casa também havia outros cachorros que estavam presos com a corrente bem curta, situação que motivou uma notificação ao proprietário.

O homem foi conduzido à CPP e autuado em flagrante pelo artigo 32, § 1º-A da Lei 9.605/98 (Lei sancionada recentemente que aumenta a pena de maus tratos). Finalizado o procedimento, o preso aguardará na Central de Polícia à disposição da Justiça.

94840b8f 4dbe 4ed6 b39f bbbeaa6a1afa

Nesta terça-feira (23), a Delegacia Geral da Polícia Civil recebeu em audiência, em Florianópolis, o prefeito de Meleiro (Sul do Estado), Eder Mattos. Foram tratados assuntos relacionados às atuais condições e melhorias da Polícia Civil no município, além de tratativas para a construção de uma nova Delegacia de Polícia local.

O prefeito foi recebido pelo Delegado Geral, Paulo Koerich. Também participaram o vereador Anderson Scardueli e o Diretor de Administração e Finanças da Polícia Civil, Valério Alves de Brito.

 pc giro noite

Policiais civis da Comarca de Turvo cumpriram um mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça contra um homem de 22 anos por tráfico de drogas, em Turvo, no Sul do Estado. Foi na tarde de sexta-feira (19), no bairro Vila Manenti.

Ele teve o mandado expedido em virtude de uma operação desencadeada pela Polícia Civil em meados de junho, ocasião em que foram presos em flagrante seis pessoas com drogas. Após o cumprimento do mandado, o homem foi encaminhado ao presídio de Araranguá, onde permanece à disposição da Justiça.

WhatsApp Image 2021 01 29 at 16.15.261

A Polícia Civil descobriu uma plantação de maconha e apreendeu cerca de 20 pés da droga, em Timbé do Sul. A ação foi realizada pela Delegacia de Polícia de Timbé do Sul e contou com o apoio dos policiais civis de Turvo e Ermo.

Os pés apreendidos possuem em média dois metros e meio de altura e foram encontrados durante diligências, na qual, os policiais civis procuravam um homem condenado a 26 anos de prisão.

Durante a investigação, apurou-se que ele mantinha plantações de maconha, em mata fechada, as quais eram cultivadas em área aberta próximo a um terreno de sua propriedade, na localidade de Nova Vicença. As plantas estavam sendo hortadas e em processo de floração, recebendo os devidos cuidados. Para responsabilização do homem, que já se encontra recolhido no presídio, será instaurado um procedimento investigatório.

WhatsApp Image 2021 01 29 at 16.15.25

WhatsApp Image 2021 01 29 at 16.15.26

WhatsApp Image 2021 01 29 at 16.15.251

viatura3

Um trabalho de integração entre a Polícia Civil de Santa Catarina e a Polícia Militar de São Paulo resultou na prisão de um homem de 35 anos. Ele é suspeito de estupro de vulnerável contra a enteada, de 12 anos. O homem foi preso na sexta-feira (18) após troca de informações entre as duas instituições.

O inquérito policial que investiga o crime tramita na Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) de Araranguá. O suspeito, que já utilizava monitoramento eletrônico em razão dos mesmos fatos, fugiu após romper a tornozeleira, na manhã de 02 de dezembro. A partir de então, a Polícia Civil realizou diligências no sentido de localizar o investigado. Informações davam conta de que ele teria fugido para o Paraguai ou para São Paulo, onde reside a irmã.

Na sexta-feira o suspeito foi localizado e preso na cidade paulista de Itapetininga. Ele foi preso por uma guarnição da Polícia Militar e deverá ser recambiado para Araranguá, onde responde pelo crime. O Delegado de Polícia Paulo Caixeta Braga Junior, da DPCAMI de Araranguá, fez contato com a PM de São Paulo que possibilitou a prisão do suspeito.