Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

WhatsApp Image 2021 12 29 at 23.29.07

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de Balneário Camboriú, deflagrou uma operação na quarta-feira (29) para cumprimento de dois mandados de prisão preventiva e um de busca e apreensão contra suspeitos do homicídio de um homem, no dia 14 de novembro deste ano, em Balneário Camboriú.

Na ocasião, dois homens em uma motocicleta teriam alvejado a vítima com múltiplos disparos de arma de fogo enquanto ela caminhava pela rua Julia Serrão, no bairro Nova Esperança. No mesmo dia do crime, policiais militares localizaram na casa de um desafeto da vítima uma motocicleta com manchas de sangue, semelhante a utilizada pelos autores.

Após troca de informações com a Polícia Militar e a realização de diversas diligências, a equipe do Setor de Homicídios da DIC/PCSC teve êxito em colher provas concretas da participação de tal desafeto e de outro homem no homicídio.

Drogas

Durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão na residência de um dos suspeitos ainda foram encontrados cerca de dois quilos de maconha, uma porção de cocaína e uma balança de precisão. Os presos estão no Presídio do Vale do Itajaí à disposição do Poder Judiciário.

d7e17c67 86e8 4374 bcd4 58180d2f53b1

Policiais civis de Balneário Camboriú prestaram apoio a policiais civis de Presidente Prudente (SP) para a captura de dois homens, em Balneário Camboriú, litoral Norte do Estado, investigados por um latrocínio de uma idosa. A vítima foi encontrada no porta-malas do carro no interior de São Paulo.

Durante o final de semana natalino, equipes de policiais civis de Presidente Prudente realizaram a operação “Esopo”, em Balneário Camboriú, para cumprir dois mandados de prisões temporárias expedidos pelo Foro Plantão – 27ª CJ – Presidente Prudente.

O crime é investigado pela 3ª Delegacia de Homicídios da Deic 8, de Presidente Prudente (SP), decorrente da morte de uma idosa de 86 anos, cujo corpo foi localizado no dia 21 de dezembro de 2021, no interior do porta-malas do veículo Ford/Fiesta, de sua propriedade, que estava estacionado na garagem de sua residência no interior de São Paulo.

A vítima estava desaparecida desde o dia 19 de dezembro de 2021. Os investigados suspeitos são um homem de 19 anos e uma mulher de 41 anos, moradores de Paulicéia – SP, também região de Presidente Prudente-SP.

Após o crime, os dois suspeitos fugiram para Balneário Camboriú. Eles foram interrogados, indiciados e encaminhados às cadeias públicas de Presidente Venceslau e Dracena, onde deverão permanecer, inicialmente, pelo prazo de 30 dias.

Viatura Sirene Dia

Está identificado e preso o principal suspeito pela morte de três venezuelanos no bairro Monte Alegre, em Camboriú, litoral Norte de Santa Catarina. O trabalho foi em uma ação conjunta das Polícias Civil e Militar.

As mortes foram por volta das 05h10min de 19 de dezembro. Após o crime, as forças policiais se mobilizaram no sentido de buscar provas e capturar o suspeito. Nas apurações, foram obtidas informações de que o principal suspeito, que também é venezuelano, acreditava que uma das vítimas, que foi policial na Venezuela, o havia prendido no país vizinho.

Por esse motivo, há duas semanas, o investigado atentou contra a vida do ex-policial, quando o tentou esfaquear em seu local de trabalho. Desde então, o suspeito passou a perseguir a vítima, anunciando que o mataria.

Na madrugada de 19 de dezembro, o suspeito encontrou a vítima, em frente a um bar e realizou vários disparos em sua direção, os quais também atingiram outros dois colegas do ex-policial.

Na segunda-feira (20), uma equipe da Polícia Militar localizou o homem no bairro dos Municípios, em Balneário Camboriú e, durante a terça-feira, policiais civis localizaram testemunhas presenciais que apontaram o investigado como o autor dos disparos.

Em razão disso, o investigado teve a prisão preventiva decretada e está no sistema prisional. As investigações prosseguem com o objetivo de localizar outras possíveis testemunhas e verificar se ele contou com o auxílio de outras pessoas.

 furtostijucas

Policiais civis do Setor de Investigação Criminal da Delegacia de Polícia de Tijucas recuperaram objetos e elucidaram furtos praticados no bairro Terra Nova, em Tijucas.

Na terça-feira (14), uma vítima de furto em residência registrou Boletim de Ocorrência para informar que haviam ingressado em seu imóvel e subtraído camas, geladeira, fogareiro e outros objetos. O Setor de Investigação Criminal começou a trabalhar e, após angariar informações, logrou êxito na localização dos objetos furtados.

Em uma residência, no mesmo bairro, foram encontrados objetos. No mesmo local ainda foram encontrados mais objetos subtraídos de uma escola municipal localizada no Bairro Terra Nova. Uma mulher foi conduzida à Delegacia de Polícia em razão do crime de favorecimento real. Os suspeitos do furto também foram localizados e ouvidos.

 WhatsApp Image 2021 03 03 at 19.52.11

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Bombinhas, cumpriu na segunda-feira (22) um mandado de prisão contra um homem de 20 anos investigado por furtos em residências em Bombinhas, e um mandado de busca e apreensão em uma residência no bairro José Amândio.

De acordo com a investigação da Polícia Civil, o homem foi identificado em seis furtos praticados em Bombinhas, todos no bairro de Bombas. Ele havia sido preso em flagrante pela Polícia Civil recentemente por receptação, em posse de objetos furtados, e estava em liberdade provisória. Ele agia à noite, subtraía objetos de valor e fugia do local.

A Autoridade Policial então indiciou e representou pela prisão preventiva, com base no que foi apurado, sendo a medida deferida pelo Judiciário. Interrogado na Delegacia de Polícia, admitiu parcialmente a prática dos delitos, informando que furtou as casas e trocou por cocaína, já que é usuário de drogas. O homem foi encaminhado ao Presídio de Tijucas.