Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

93d9096f 448e 4b2d 9e16 0275e0135970

O delegado de polícia João Westphal é o novo titular da Coordenadoria Estadual de Combate à Corrupção (CECOR) da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC/PCSC) da Polícia Civil. João Westphal até então era titular da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) em São Miguel do Oeste e substitui o delegado de polícia Rodrigo Schneider na CECOR.

O delegado João Westphal ingressou na Polícia Civil em 2017, é professor da Academia da Polícia Civil (Acadepol) e foi servidor do Tribunal de Justiça de SC por sete anos. Na Polícia Civil, trabalhou em unidades policiais em Joinville, Garuva, Itapoá, Itapiranga e São Miguel do Oeste, tendo atuado em investigações complexas, principalmente no combate a organizações criminosas.

O delegado Rodrigo Schneider seguirá na DEIC/PCSC como coordenador do Laboratório de Lavagem de Dinheiro e gerente de investigações da própria DEIC/PCSC, cargos que já exercia anteriormente e continuará no comando.

Reforço no efetivo da DEIC

Reforçar o efetivo da DEIC/PCSC é uma das prioridades do delegado-geral Marcos Flávio Ghizoni Júnior. Este mês, com a ida do delegado João Westphal, já houve o acréscimo de dez policiais civis para compor o efetivo da diretoria, entre eles quatro delegados de polícia.

Viatura Sirene

A Polícia Civil desencadeou a 4ª fase da operação “Paraguaia”, que teve como objetivo a prisão preventiva de mais três integrantes de uma associação criminosa voltada para o tráfico de drogas, além do cumprimento de cinco mandados de busca e apreensão.

A ação foi realizada na tarde de quinta-feira (21), por meio da Delegacia de Polícia de Fronteira de Caibi, no Oeste, com o apoio da Delegacia de Polícia de Fronteira de Palmitos, Delegacia de Polícia de Fronteira de São Carlos, Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos de Chapecó e Delegacia de Polícia do Município de Cunhataí.

Em continuidade às operações anteriores, nas quais houve a identificação, qualificação e prisão preventiva de suspeitos de tráfico de drogas e associação para o tráfico, a Polícia Civil obteve elementos informativos que indicavam a participação de outros três suspeitos.

Diante da investigação, a autoridade policial representou pela prisão preventiva dos investigados (um de 18 anos e dois de 25 anos), bem como a busca e apreensão em cinco residências. Após análise dos elementos de prova, a Justiça deferiu os pedidos cautelares, expedindo os respectivos mandados.

Na quinta-feira, as ordens judiciais foram cumpridas e drogas apreendidas. Os suspeitos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia, interrogatórios e encaminhados ao sistema prisional de Chapecó.

Dez prisões nas quatro fases

Nas quatro fases da operação "Paraguaia", a Polícia Civil prendeu preventivamente dez investigados, incluindo o chefe da organização criminosa.

O inquérito será concluído nos próximos dias, com o indiciamento dos suspeitos pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

brasao

Policiais civis prenderam em flagrante um homem por importunação sexual, nas proximidades da SC-350, em Laurentino. A prisão ocorreu na tarde de quinta-feira (21) após diligências.

O caso chegou à Polícia Civil através de pais de duas meninas. Os pais relataram na Delegacia de Polícia que um homem havia parado um veículo em local em que as crianças brincavam, puxado conversa, oferecido guloseimas e, as convidado para ir em um lugar ermo. O relato afirma ainda que as crianças recusaram e saíram do local e que o homem então retornou logo depois, quando fez nova oferta de guloseimas e as importunou.

O homem foi preso pelo artigo artigo 215 A do Código Penal (importunação sexual). Foi lavrado o auto de prisão em flagrante e o preso encaminhado ao Presídio Regional de Rio do Sul.

WhatsApp Image 2021 10 21 at 19.36.22

Uma série de roubos a estabelecimentos comerciais ocorridos em setembro, em Gaspar, no Vale do Itajaí, foi esclarecida pela Polícia Civil. Duas pessoas foram presas.

Na tarde de quinta-feira (21), policiais civis de Gaspar e Ilhota cumpriram seis mandados judiciais, sendo dois de prisão preventiva e quatro de busca e apreensão domiciliar. A ação contou com o apoio da Polícia Militar de Gaspar. 

Policiais chegaram à autoria dos crimes praticados em duas lojas de celulares, em uma agência lotérica da Caixa Econômica Federal e em um restaurante. Os roubos foram cometidos por dois homens, de 20 anos e 27 anos, a mão armada. Os trabalhos de investigação duraram um mês pelo Setor de Investigações e Capturas (SIC/PCSC), com o apoio da PM de Gaspar.

O Delegado de Polícia então representou pela prisão preventiva de dois autores, cumpridas na quinta-feira. Nas buscas foram apreendidos o veículo e a motocicleta utilizados. Os presos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia de Gaspar para interrogatório e depois encaminhados ao Presídio Regional de Blumenau.

WhatsApp Image 2021 10 21 at 19.36.22 1

WhatsApp Image 2021 10 21 at 17.37.35

Ações da Polícia Civil no município de Ipuaçu, no Oeste, foram tratadas em audiência na Delegacia Geral, na tarde desta quinta-feira (21), em Florianópolis.

Os integrantes de uma comitiva do município foram recebidos pelo delegado-geral da Polícia Civil, Marcos Flávio Ghizoni Júnior. Entre os assuntos abordados está a reforma da Delegacia de Polícia do Município, cujo encaminhamento foi tratado.

Participaram da reunião a prefeita de Ipuaçu, Clori Peroza; o vice-prefeito, Nelson Brisola; a vereadora Silvana Inês Giroto e o assessor Jair Bianchini.