Conecte-se

FacebookTwitterInstagramYoutube

banner2

Nesta segunda-feira (09), as Polícias Civil e Militar deflagraram uma operação que resultou na apreensão de um adolescente investigado pela suspeita da prática de dois homicídios e um roubo, ocorridos em Imbituba, no Sul do Estado.

Durante as diligências, constatou-se ainda que o local era utilizado para a venda de drogas pelo adolescente e outros dois envolvidos, o que resultou na prisão em flagrante de um deles e na condução dos outros dois. A investigação foi da Delegacia de Polícia da Comarca de Imbituba.

No dia 20 de dezembro do ano passado, uma pessoa foi morta por disparos de arma de fogo em Imbituba. A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar os fatos, ouviu diversas testemunhas e realizou uma série de diligências para identificar a autoria do crime.

Um dos investigados supostamente seria um adolescente apreendido em operação policial realizada no mês de dezembro de 2021 pela prática de um roubo. No entanto, ele teria fuigido do local em que estava internado, encontrando-se foragido desde então.

No dia 24 de março deste ano, foi registrado outro homicídio, praticado com as mesmas características do crime anterior. Após diversas diligências realizadas pela Polícia Civil, as investigações apontaram que os dois crimes de homicídio foram praticados pela mesma pessoa. A partir disso, a Polícia Civil representou pela internação provisória do adolescente investigado suspeito e pela busca e apreensão no local dos fatos.

2a3f1021 2103 4e4a b000 bd7ff4b5f021

Entre os dias 25 a 27 de maio, a Academia da Polícia Civil (Acadepol/PCSC) sediará em Florianópolis o "II Seminário de Investigação Criminal na Era da Informação". O evento é realizado em conjunto pela Associação dos Delegados de Polícia de SC (Adepol-SC) e a Polícia Civil de Santa Catarina, com o apoio do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional do Ministério Público de Santa Catarina e a Academia Judicial de Santa Catarina.

O seminário reunirá alguns dos nomes mais importantes do segmento de investigação criminal do país.

Nesta segunda-feira (09), o delegado-geral da Polícia Civil de Santa Catarina, Marcos Flávio Ghizoni Júnior, recebeu o convite oficial da iniciativa em reunião com a presidente e o1º vice-presidente da Adepol-SC, delegados de polícia Vivian Garcia Selig e Gustavo Kremer, respectivamente, na Delegacia Geral, em Florianópolis.

3370cb3c 829e 4527 9053 b6c4c6ca4fe0

1

2

3

FSDFLDS NFSKDF KDSFGSÇDFKDSFDS

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de São José, na Grande Florianópolis, fechou uma casa de jogos de azar no bairro Areias, em São José, e apreendeu 16 máquinas caça-níqueis e outros materiais da contravenção. A ação ocorreu na sexta-feira (06).

Na mesma ocasião, os policiais civis flagraram diversos jogadores e conduziram três pessoas responsáveis pelo local para os procedimentos

 dicjllecarga

Em uma operação realizada na manhã desta segunda-feira (09), a Polícia Civil cumpriu mandados de prisão e de busca e apreensão contra suspeitos de integrar uma quadrilha que praticaram um roubo de carga, em Joinville. A ação é da Divisão de Investigação Criminal (DIC/PCSC) de Joinville.

As investigações se iniciaram em novembro de 2021, quando uma carga de relógios de luxo, avaliada em R$ 800.000,00, foi subtraída pelos criminosos. O crime aconteceu de dia, no bairro Distrito Industrial. No mesmo dia, parte da carga foi apreendida pela Polícia no bairro Vila Nova, em Joinville.

Com o avanço das investigações foi possível identificar a participação de quatro homens na prática do crime. Na manhã desta segunda-feira, a Polícia Civil obteve sucesso na captura de dois deles. Outros dois suspeitos seguem foragidos. Os mandados de prisão foram cumpridos nos bairros Parque Guarani e Boehmerwald.

Os quatro identificados possuem extensa ficha criminal por crimes como roubos, extorsões e sequestro. Os presos foram encaminhados à sede da DIC/PCSC de Joinville, onde foram interrogados e encaminhados ao Presídio Regional de Joinville.

 bombinhaspcdp

A Polícia Civil e a Polícia Militar cumpriram na tarde de sexta-feira (06) um mandado de prisão e de busca e apreensão de um homem investigado por roubo e furtos em Bombinhas, litoral Norte de Santa Catarina.

O suspeito, além de ter praticado dois furtos em 03/02/2022 e 12/04/2022, também teria praticado um roubo na orla da praia de Bombas no dia 28/02/2022. Na ocasião, uma mulher de posse de uma faca e um homem abordaram uma transeunte por volta das 02h, ordenando que passasse o celular.

Após as diligências, especialmente com auxílio de câmeras de monitoramento, com subsídio de informações da vítima e análise de dados, a Polícia Civil identificou o suspeito e representou pela sua prisão preventiva, que foi deferida pelo Judiciário.

A investigação continua para identificar a mulher que participou da ação. O inquérito policial que apura os fatos, inclusive com análise das informações reunidas em decorrência da busca e apreensão, será concluído no prazo de 10 dias. O preso foi encaminhado ao Presídio de Tijucas e ficou à disposição da Justiça.